Christopher Alexander apresenta a coleção Lakmé, que celebra a Índia e alguns de seus ícones. “É uma cultura que está presente no imaginário de quase todo mundo, creio eu. Mas meu interesse foi recente. Surgiu durante uma conversa com uma amiga”, conta o designer sobre a nova linha, batizada com o nome da ópera do compositor francês Léo Delibes em torno de uma sacerdotisa indiana na era da colonização britânica, no século XIX. “Essa coleção é novamente uma visão ocidental sobre outra cultura, neste caso a Índia, como já fiz com a China”.